A TENDA NA ROCHA

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

GESE

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

HORÁRIO

PLANETA VOLUNTÁRIOS

SBB NOTICIAS





OCIOSO

PLANETA VOLUNTÁRIOS

NUMEROS PARA APOSTAR NA MEGASENA

Seguidores

SINTECT-PE

FONE 81-(3222-4002)
(3221-4054)
(3221-6459)
RUA DOM VITAL 73
SANTO AMARO- RECIFE-PE.

SINTECT-PE

UOLHOST

DIGNOW

a492a8bb-a331-468a-92ef-84b31e9b1606

FIQUE SABENDO

Tecnologia do Blogger.
quarta-feira, 17 de abril de 2013

BLOG DE POLITICA

Discursos para 2014 já começam a dar sinais de esgotamento

A antecipação da campanha presidencial está fazendo com que as declarações sejam reeditadas a cada semana.
O governador Eduardo Campos (PSB), por exemplo, volta e meia fala que é preciso ganhar 2013 e que chegou a hora de fazer um novo pacto federativo.
O maior opositor da sua candidatura dentro do PSB, o ex-ministro Ciro Gomes, não se cansa de repetir que o partido não deve ter candidatura própria e que deve, sim, reforçar a eleição de Dilma.
A presidente Dilma Rousseff (PT), a cada evento do governo, entrega retroescavadeiras, motoniveladoras e ônibus escolares para prefeitos e enfatiza que a parceria com os gestores é o bem do país.
Aécio Neves (PSDB) tem dado poucas declarações. Repete de vez em quando que é preciso dar férias ao PT.
Mas se fala menos, age. Entre as ações recorrentes estão reuniões em busca da unidade do partido em torno de sua  candidatura. Principalmente em São Paulo.
Que tal os pretensos candidatos a presidente começar a apresentar uma agenda mais próxima do eleitor?
Educação, motor de transformarção de qualquer país, poderia entrar em pauta, não é?

Relação PT X PSB entra na fase da contabilidade: credores e devedores

Diario de PE
Diario de PE
Estamos ainda em tempos de pré-campanha, mas os discursos têm sido tão acalorados que é preciso contar de um a dez para se ajustar o calendário. Não estamos em 2014 e sim em 2013.
Nesta terça, de Brasília, onde foi articular sua candidatura ao Planalto, o governador Eduardo Campos, fez a contabilidade de apoios entre PT e PSB e concluiu:
“O PSB não deve nada a Dilma. Na verdade, ela é nossa credora”.
Em seguida colocou a conta na mesa da presidente: “abrimos mão de uma candidatura competitiva em 2010 (Ciro Gomes) para ajudá-la a se eleger presidente da República”.
Bom, quando uma relação entra na fase de balanço, de usar pesos e medidas para se apontar quem fez mais ou quem deve menos, é hora de se pensar em separação de corpos.
Leia AQUI o que o Diario trouxe nesta quarta-feira sobre as declarações de Eduardo.

 
FONTE-BLOG DE POLITICA 

0 comentários:

CLIMA E TEMPO

NOTICIAS GOSPEL

Widget gerado por Gospel Prime

OCIOSO

LEITURA BIBLICA





DESAPARECIDOS

DIGNOW

TOTAL DE VISITAS

BLOG CDD PRAZERES...

DIGNOW

6c4a6a7b-0a66-47f8-bdeb-d2b026779d90

UOLHOST

Pesquisar este blog

Translate

Google+ Badge

Google+ Followers

ATIVIDADES SEMANAIS DA IGREJA BATISTA DOS GUARARAPES

ATIVIDADES SEMANAIS DA IGREJA BATISTA DOS GUARARAPES