A TENDA NA ROCHA

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

GESE

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

HORÁRIO

PLANETA VOLUNTÁRIOS

SBB NOTICIAS





OCIOSO

PLANETA VOLUNTÁRIOS

NUMEROS PARA APOSTAR NA MEGASENA

Seguidores

SINTECT-PE

FONE 81-(3222-4002)
(3221-4054)
(3221-6459)
RUA DOM VITAL 73
SANTO AMARO- RECIFE-PE.

SINTECT-PE

UOLHOST

DIGNOW

a492a8bb-a331-468a-92ef-84b31e9b1606

FIQUE SABENDO

Tecnologia do Blogger.
segunda-feira, 29 de abril de 2013

FIQUE SABENDO



Brasil caminha para eliminar pobreza extrema, diz representante do Pnud


Alexandre Gondim/DP/D.A Press.
Alexandre Gondim/DP/D.A Press.
A notícia é boa para o país e excelente para os planos de reeleição de Dilma Rousseff.
O representante do Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (Pnud), Jorge Chediek, disse que o Brasil conseguirá cumprir uma das principais promessas da presidenta Dilma Rousseff e tirar toda a população da pobreza extrema.
Ele falou depois de conhecer o estudo Vozes da Nova Classe Média, divulgado nesta segunda-feira pela Secretaria de Assuntos Estratégicos (SAE) da Presidência da República. As informações são da Agência Brasil.
Segundo ele, as políticas do governo brasileiro para a nova classe média influenciarão a Organização das Nações Unidas (ONU).
“Vemos que políticas públicas sociais e econômicas farão com que o Brasil atinja o resultado de 100% de redução da pobreza extrema. E a ONU tem um compromisso assumido de combate à pobreza. Pensamos muito nisso, mas [pensamos] pouco no ponto de chegada, que é a classe média. É muito útil o Brasil estar pensando neste ponto de chegada”, disse o representante do Pnud.
Ministro da SAE e presidente do Instituto de Pesquisa Econômica e Aplicada (Ipea), Marcelo Neri disse que “o fim da miséria é apenas o começo”.
Segundo ele, a desigualdade teve uma “queda espetacular”, após o índice de Gini ter caído de 0,64 para 0,54 nos últimos dez anos.
Esse índice, pelo qual zero representa a igualdade total de renda, é um dos mais usados para comparações socioeconômicas entre países.

Pedido de informações sobre PEC que limita Supremo chega à Câmara


camara.gov.br
E o embate entre Congresso e Supremo entra em mais um round.
Nesta segunda-feira, a Mesa Diretora da Câmara dos Deputados foi notificada do pedido de informações feito pelo ministro Antonio Dias Toffoli, do Supremo Tribunal Federal (STF), sobre a Proposta de Emenda à Constituição 33.
Aprovada na semana passada pela Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Casa, a proposta, entre outros pontos, submete as decisões do STF ao Congresso.
Dias Toffoli é o relator do Mandado de Segurança 32.036, impetrado na quinta-feira (25) pelo líder do PSDB na Câmara, deputado Carlos Sampaio (SP), que pede a suspensão imediata da tramitação da proposta.
O tucano argumenta que a PEC fere a cláusula pétrea da separação dos Poderes. As informações são da Agência Brasil.
No despacho, Toffoli concedeu prazo de 72 horas para que a Câmara se manifeste sobre o assunto.
“Notifique-se a autoridade impetrada para que preste informações prévias acerca do pedido de liminar, no prazo de 72 horas, sem prejuízo de novo pedido de informações quando do julgado do mérito”, diz parte do despacho do relator do mandado de segurança.
Aprovada na quarta-feira (24), a PEC 33, de autoria do deputado Nazareno Fonteles (PT-PI), condiciona o efeito vinculante de súmulas aprovadas pelo STF ao aval do Poder Legislativo e submete ao Congresso Nacional a decisão sobre a inconstitucionalidade de leis.

PSB levanta debate e precisa dizer mais sobre fazer mais


facebook / Eu quero É Eduardo
facebook / Eu quero É Eduardo
Excluindo os aspectos partidário e eleitoral do programa de TV levado ao ar pelo PSB na noite de quinta-feira, há pontos que merecem ser salientados em benefício do debate político que tanto a legenda se propõe a fazer.
Um dos trechos enumera uma série de aspectos positivos do Brasil que perdem força diante de contrapontos apresentados em seguida.
Uma das afirmações lembra que o país do pré-sal gasta R$ 3 bilhões para importar gasolina.
Outra frisa que temos uma das maiores produções de alimentos do mundo, mas não dispomos de estrutura para estocar e transportar o que é produzido.
Do mesmo modo, 20 milhões de pessoas saíram da pobreza, mas muita gente que reside “nos arredores do Distrito Federal, no Vale do Jequitinhonha, no Semiárido e no Vale do Ribeira” não chegou ao século 21.
O porquê de tantos “poréns” não foi mostrado. E aí é que está a questão. A exposição de tais motivos certamente pode estimular a discussão tão necessária à política nacional.
Afinal, a realidade enfocada no programa não resulta apenas de política econômica ineficiente, a mais recorrente crítica do governador Eduardo Campos ao governo de Dilma Rousseff.
Existe uma vasta lista de problemas de naturezas diversas que contribuem para o quadro de descompasso.
Há desde a questão de inchaço da máquina e gestões incompetentes até projetos mal elaborados e executados, licitações viciadas e fiscalizações falhas.
Isso sem falar na prática de se trocar cargos por apoio que tanto alimenta a cultura do governismo.
A pauta é extensa, mas estamos apenas no início da pré-campanha.
O PSB terá outros programas e muitas tribunas para aprofundar a ideia de que é preciso “fazer mais”

Após quatro meses, PSB de Jaboatão segue sem indicar secretários


...
Passados quase quatro meses da segunda gestão de Elias Gomes (PSDB), três secretarias seguem sob o comando de interinos.
Os titulares das pastas de Mobilidade, Habitação e Ordem Pública deveriam ser indicados pelo PSB, partido do vice-prefeito Heraldo Selva.
Observações de bastidores indicam que os socialistas estariam resistindo a assumir mais espaço no governo.
As razões para tal quadro não estão claras. Há quem veja um desconforto do PSB com o prefeito.
De todo modo, vale lembrar que Heraldo Selva é o coordenador do projeto de engorda das praias de Barra de Jangada, Candeias e Piedade.
Trata-se da maior obra do município. Estão sendo investidos R$ 40 milhões.

O que João Paulo dirá a Geraldo sobre candidatura de Eduardo?


Diario
Diario
O encontro do prefeito do Recife, Geraldo Julio, com o ex-prefeito João Paulo ficou para o dia 2 (próxima quinta-feira).
Até lá, cresce a expectativa sobre qual será a declaração do petista sobre a pré-candidatura de Eduardo Campos ao Planalto.
Todos os ex-prefeitos recebidos por Geraldo até agora, inclusive Roberto Magalhães (DEM), jogaram confete sobre o projeto presidencial do governador.

Aliado “branco” de Eduardo, PSDB prepara terreno para Aécio em PE


Julio Jacobina/DA/D.A Press.
Sérgio Guerra assumiu presidência em Pernambuco e Aécio comandará partido nacionalmente – Foto: Julio Jacobina/DA/D.A Press.
O PSDB pernambucano começou neste domingo a trilhar o caminho de 2014.
A construção de um palanque para o senador Aécio Neves (MG) é a meta primeira das ações destravadas a partir da convenção que referendou o deputado federal Sérgio Guerra como presidente estadual.
Após seis anos, Guerra deixa a direção nacional da legenda, que passará às mãos do senador presidenciável.
Nas articulações regionais, os tucanos terão pela frente a ampla aceitação do governador Eduardo Campos, também pré-candidato ao Planalto.
Sabem que a tarefa é hercúlea, mas baseiam-se na eleição de 2012 no Recife para apontar possíveis brechas nos domínios socialistas.
Observam que, mesmo com toda a aprovação e empenho de Eduardo, Geraldo Julio teve a vitória ameaçada no primeiro turno, uma vez que a conquista do mandato foi garantida com pouco mais de 51% dos votos válidos.
E acrescentam que o fator gerador desse “aperto” nos números responde pelo nome de Daniel Coelho, deputado do PSDB que concorreu ao cargo.
Daniel terminou a disputa em segundo lugar, com 27,65%, superando o senador Humberto Costa (PT), que obteve 17,43%.
O deputado é um dos citados como potencial candidato ao governo do estado.
Claro que em 2014 o contexto será outro, a disputa é nacional e Eduardo deve estar no topo da chapa como candidato.
Mas, o PSDB pernambucano enxerga frestas por onde pode entrar alguma luz ao final do túnel.
E ainda que sejam “parceiras” em estados e municípios e, mesmo somando forças na disputa contra a presidente Dilma Rousseff, as legendas dividirão terreno na oposição.
Veja no link abaixo matéria publicada nesta segunda pelo Diario sobre a convenção do PSDB pernambucano.
O texto intitulado Sérgio Guerra abre espaço para ajudar Aécio Neves é de Rosália Rangel.

FONTE-BLOG DE POLITICA

0 comentários:

CLIMA E TEMPO

NOTICIAS GOSPEL

Widget gerado por Gospel Prime

OCIOSO

LEITURA BIBLICA





DESAPARECIDOS

DIGNOW

TOTAL DE VISITAS

BLOG CDD PRAZERES...

DIGNOW

6c4a6a7b-0a66-47f8-bdeb-d2b026779d90

UOLHOST

Pesquisar este blog

Translate

Google+ Badge

Google+ Followers

ATIVIDADES SEMANAIS DA IGREJA BATISTA DOS GUARARAPES

ATIVIDADES SEMANAIS DA IGREJA BATISTA DOS GUARARAPES